5 dicas para ter mais tempo com a família

 

1. Organize o dia para ter tempo livre para a família

Saber exatamente o que precisa ser feito durante o dia parece uma tarefa fácil, mas a maioria das pessoas não consegue se organizar de forma que as distrações sejam de fato uma distração e não façam parte da rotina.

É comum as pessoas perderem muito tempo com atividades secundárias e, muitas vezes, sem sentido. Organizar o dia e ter clareza sobre o que será necessário fazer é meio caminho andado para terminar o dia de trabalho com energia para se dedicar a família.

2. Delegue atividades menos importantes

O ato do microgerenciamento consome mais energia e tempo do que fazer as próprias tarefas. Se o tempo está curto e você sente falta dos momentos em família, delegue aquelas atividades menos importante, especialmente, no trabalho. Levar trabalho para casa não é uma boa ideia e distribuir afazeres eliminará qualquer possibilidade de atraso.

Para isso, é preciso confiar nas pessoas. De nada adianta repassar uma atividade e continuar preocupada com o cumprimento de prazo e com a qualidade do trabalho. Acontece que atividades com pouca complexidade podem ser, seguramente, delegadas. Faça isso e perceba que tudo fluirá com maior naturalidade.

3. Acorde cedo para se exercitar

Fazer exercícios não é apenas um benefício para a saúde física, mas também para a saúde mental. Além disso, a prática de levantar cedo pode ser uma aliada na geração de energia e disposição, ajudando a aumentar o foco no trabalho e, consequentemente, te tornando mais produtiva.

Se o dia começa bem e com disposição, é natural que continue no mesmo ritmo e que os momentos em família sejam bem aproveitados. E essa é também uma ótima oportunidade de expressar gratidão por mais um dia.

4. Utilize o tempo com um propósito

Com a imensa possibilidade de se conectar ao mundo por meio de redes sociais e de pesquisas sem muito sentido na internet, as pessoas perdem tempo divagando entre um assunto e outro, um bate papo no WhatsApp ou um vídeo de curiosidade postado no Facebook.

No entanto, é preciso lembrar que o tempo deve ser encarado como dinheiro e, por isso mesmo, ser utilizado com algum propósito. Experimente fazer uma análise de como está utilizando o seu tempo e veja se as suas prioridades estão contribuindo para o objetivo de ter mais momentos livres para a sua família.

O tempo é um ativo e deve ser usado para gerar valor, assim como o dinheiro. Se você cuida do dinheiro e de onde está utilizando os seus ganhos, também precisa cuidar do tempo, pois este é tão limitado quanto a moeda.

5. Busque o equilíbrio

Ter uma vida equilibrada é uma questão de saúde. Se o trabalho está consumindo todo o tempo, exigindo muito e você não está conseguindo equilibrar a dedicação entre as atividades profissionais e pessoais, talvez esteja na hora de repensar a carreira.

As mudanças fazem parte da vida e essa abertura possibilita ser dono próprio tempo e destino. Que tal iniciar um empreendimento que possibilite uma relação mais próxima com os filhos e com a própria vida, sem a necessidade de viver desgastada e frustrada?

Lembre-se de que, além de se dividir entre as atividades profissionais e familiar, você não pode se esquecer da própria individualidade. Um momento para leitura, meditação ou um simples cafezinho no final do dia com uma amiga pode aliviar as tensões e ajudá-la a se sentir mais importante.

Fonte: Silvia Pahins

(Visited 77 times, 1 visits today)

1 Comentário

  1. Joana Marina 31 de julho de 2018 de 17:55

    Obrigado pelas dicas!!!

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *